10 de outubro de 2012

#EXPRESSEALIBERDADE: PARA UNE REGULAMENTAÇÃO DA MÍDIA, PASSA PELA REFORMA POLÍTICA NO BRASIL

Entidades estudantis do Paraná, apoiam da Campanha


Lançada no último dia 27 de agosto, a campanha “Para Expressar a Liberdade – Uma nova lei para um novo tempo” reúne sociedade civil, organizações e entidades do movimento social em defesa da aprovação de uma nova lei de regulamentação da mídia que, entre outras coisas, democratize o setor no país.
Para a UNE, a campanha pela democratização dos meios de comunicação é hoje uma das principais reformas pelas quais o país precisa passar: “Mobilizar a sociedade pela democratização dos meios de comunicação faz parte do debate da reforma política”, afirmou o presidente da entidade Daniel Iliescu.
Na opinião do radialista e membro da Coordenação Executiva do Intervozes e da Coordenação Executiva do Fórum Nacional pela Democratização das Comunicações (FNDC), João Brant, um dos problemas da comunicação hoje é que os grandes meios de comunicação não abrangem um importante conjunto de vozes, fatos e versões, que dependem de meios alternativos como a internet e que não são suficientes para que a informação circule em grande escala. “Isso é um sinal de que a democracia está enfraquecida, um país democrático precisa que seus meios de comunicação reflitam a pluralidade e o aprimoramento do sistema político depende de um aprimoramento do sistema de comunicação”, explicou.
Desde o lançamento da campanha o debate tem se espalhado por todo o Brasil e duas importantes agendas estão marcadas para o dia 15 e 18 de outubro.
Na próxima segunda-feira, 15 de outubro, a cidade de São Paulo receberá a 68ª Assembleia-Geral da Sociedade Interamericana de Imprensa (SIP), e a campanha está organizando uma atividade em contraponto a essa assembleia.
“Faremos um ato político em defesa da ampla e verdadeira liberdade de expressão. Achamos que a liberdade de expressão e limitada e condicionada pelos grandes meios”, afirmou Brant.
Além disso, também haverá, no mesmo dia, um debate pela internet marcado para acontecer entre as 15h e as 21h, com participação de convidados de toda a América Latina.
No dia 18, data mundial pela democratização da mídia, em Brasília, acontecerá uma audiência pública no congresso nacional para discutir a campanha com a frente parlamentar pela liberdade de expressão.
Outras informações sobre a programação dos dois dias serão divulgadas no site da campanha.

Por ComunicaUPE


# Redes Sociais