2 de setembro de 2012

PROFESSORES DA REDE ESTADUAL DE ENSINO, DEFLAGRAM GREVE NO PARANÁ

Ato pela Educação - 30 de agosto de 2012

A União Paranaense dos Estudantes, e a União Paranaense dos Estudantes Secundaristas participaram do Ato pela Educação realizado pela App Sindicato na manhã do dia 30 de agosto, onde secundaristas, universitários e milhares de educadores e educadoras, de todo o paraná foram as ruas de Curitiba com um único grito  "Governador: Compromisso assumido tem que ser cumprido!! ", para lutar pela valorização da educação,  através de mais investimentos.
Diversas pautas surgiram através de faixas. Carlos Gomes, funcionário de escola de Guarapuava, reivindica o reajuste e licenças especiais. "Nós também somos educadores e estamos buscando nossos direitos, queremos que o governo corrija essa injustiça", declara. Além de professores, diversos estudantes participaram do ato.


Felipe Barretos, presidente da UPES, defendeu a causa, e também falou sobre a importância da atenção de toda a sociedade, em relação ao descaso do governo Beto Richa (PSDB), às pautas da educação, durante todo o seu mandato. "QUEREMOS 10% DO PIB PARA EDUCAÇÃO! Queremos mais valorização dos trabalhadores da educação paranaense, estamos com os professores nesta luta" disse Felipe.

Os estudantes secundaristas do Estado inteiro participaram em ato.

Muitos jovens estavam presentes. Ronie Lobato, Diretor de Comunicação da União Paranaense dos Estudantes também defendeu a causa. "Defendemos sim, a luta com os professores, e exigimos  urgentemente mais valorização da nossa educação, com os 10% do Pib para Educação, respostas concretas às revindicação dos professores estaduais. Queremos mais investimentos e menos enrolação! " disse Ronie.

Veja as fotos do #ATO

#GREVEGERAL SECUNDARISTA
Em assembléia geral, os professores do estado do Paraná aprovam estado de greve, cerca de 2.500 educadores e educadoras realizaram assembleia histórica na tarde do dia 30 de agosto na sede do Paraná Clube em Curitiba. O mês de setembro será de intensa mobilização a fim de pressionar o governo para que cumpra os compromissos assumidos na reunião de hoje. A APP Sindicato, realizará visitas às escolas, produção de materiais, faixas e jornais especiais. Após muitos debates, o seguinte calendário de mobilização foi aprovado:

Dia 5 - Ato em Curitiba na boca maldita e em todas regionais referente à VI Marcha Nacional Pela Educação, promovida pela Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação (CNTE).

Dia 18 - assembleia extraordinária e paralisação estadual

O reajuste do magistério foi aprovado dia 29 de agosto, pela Assembleia Legislativa (Alep) e já sancionado. O governo se comprometeu a fazer uma folha complementar até o dia 17.

por ComunicaUPE


# Redes Sociais