15 de março de 2012

UPE e UPES TAMBÉM PARTICIPAM DA PARALIZAÇÃO PELA EDUCAÇÃO

Por 10% do PIB para educação e contra o Corte de Verbas de custeio da Educação no Paraná

presidente da UPE, durante discurso no Ato nesta quarta (14)
Nesta quinta-feira (15), as escolas da rede pública estadual do Paraná estão todas paradas. Na data, os trabalhadores em educação, diversos estudantes convocados pela União Paranaense dos Estudantes e pela União Paranaense dos Estudantes Secundaristas, participarão da mobilização que ocorre em todo o país convocada pela Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação (CNTE), em defesa da correta aplicação da Lei do Piso, do investimento de 10% do Produto Interno Bruto na educação e na luta por melhorias na carreira dos educadores. 

Ontem, (14) as entidades do Movimento Estudantil Paranaense, também participaram da mobilização da rede de servidores e técnicos das Universidades Estaduais, contra o corte de verbas de custeio das mesmas, cerca de 1 mil pessoas caminharam por todo o Centro Cívico reivindicando, e questionando o Governo Estadual. 

Nacionalmente, a greve dos professores da rede pública de ensino médio e fundamental dura três dias: 14, 15 e 16 de março, e hoje a manifestação se unirá aos Professores de Curitiba e servidores Municipais. No Paraná, a categoria decidiu paralisar as atividades apenas no dia 15. 

Acontecerão debates nas escolas sobre hora-atividade, saúde e condições de trabalho. No dia 15, além da paralisação em todo o Estado, haverá ainda, em Curitiba, concentração dos educadores a partir das 9h, na Praça Santos Andrade, com caminhada até o Palácio Iguaçu. No dia 16, os educadores farão, em suas próprias escolas, debates e avaliações da mobilização.

Este ano, os educadores da rede pública estadual de ensino já fizeram uma grande mobilização, no dia 9 de fevereiro, quando mais de 90% da rede aderiu à paralisação parcial e discutiu a pauta de reivindicações da categoria. Veja, abaixo, os itens defendidos pelos educadores do Paraná:

 Veja a reivindicação dos professores e dos Estudantes

:: A implantação de um terço da hora-atividade, como determinado pela Lei do Piso
:: Pela aprovação no Senado do Estatuto da Juventude
:: A implantação de um terço da hora-atividade, como determinado pela Lei do Piso
:: Implantação do reajuste do Piso Nacional  de 22,22 % na tabela de vencimentos dos professores do Paraná
:: Adequações na carreira dos funcionários da Educação 
:: A criação de um novo serviço de atendimento à saúde dos servidores estaduais 
:: Por um Plano Estadual de Assistêdncia Estudantil nas Universidades
:: Luta nacional pela destinação de 10% do Produto Interno Bruto (PIB) para a educação pública
:: Contra o Fechamento de Turmas nas Escolas Estaduais do Paraná

Hoje, a UPE e a UPES e diversos estudantes se unirão as pautas dos professores, no ato.

Fonte: App Sindicato e ComunicaUPE

# Redes Sociais